CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS E LABORATORIAIS DA COVID-19: UMA ANÁLISE NA INTERNAÇÃO HOSPITALAR

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31011/reaid-2021-v.95-n.36-art.1074

Palavras-chave:

COVID-19; Sinais e Sintomas; Testes laboratoriais; Biomarcadores

Resumo

Objetivo: Analisar as características clínicas e laboratoriais de pacientes com COVID-19 na internação hospitalar.  Métodos: Foram incluídos no estudo pacientes com diagnóstico de COVID-19 internados em uma Unidade de Pronto Atendimento e em um Hospital Municipal de referência para a doença. Os dados foram coletados dos prontuários eletrônicos dos pacientes. Aplicou-se a estatística descritiva. Resultados: Foram incluídos 205 pacientes. Os sinais e sintomas clínicos mais frequentes foram dispneia (48,29%), tosse (30,73%) e mialgia (24,39%). A hipertensão arterial sistêmica foi a comorbidade predominante (73,47%). A maioria dos pacientes apresentou linfopenia (73,12%), elevação na proteína C reativa (97,53%), aumento de desidrogenase láctica (94,52%) e redução na pO2 (69,00%). Conclusões: Os dados gerados possibilitaram determinar o perfil clínico e laboratorial de pacientes com COVID-19 na internação hospitalar. Esses resultados podem contribuir para uma melhor compreensão da patogenia da doença.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-11-18

Como Citar

1.
Goulart LS, Santos KCF, Santos DA da S, Mattos M de. CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS E LABORATORIAIS DA COVID-19: UMA ANÁLISE NA INTERNAÇÃO HOSPITALAR. Rev. Enferm. Atual In Derme [Internet]. 18º de novembro de 2021 [citado 22º de julho de 2024];95(36):e-021169. Disponível em: http://teste.revistaenfermagematual.com/index.php/revista/article/view/1074

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL